Exposições abertas

Exposição Arqueologia em Questão: Percorrendo o Litoral Catarinense

A exposição “Arqueologia em questão: percorrendo o litoral catarinense”, com peças do acervo do MArquE, está aberta, na sala de Exposição de Longa Duração. É um evento que reflete o perfil e a história do museu, e sua marcante história de pesquisa e atuação nessa área de conhecimento desde a década de 1960, quando foi criado como Instituto de Antropologia.

A exposição é uma oportunidade sem precedentes de conhecer sobre as ocupações de diversos grupos humanos no litoral catarinense, sobre culturas distintas no tempo e no espaço e de conhecer mais de perto o ofício do arqueólogo. Os períodos pós-colonial, colonial e pré-colonial – a compor aproximadamente seis milênios, se descortinam face às pesquisas efetivadas no transcorrer de cinco décadas. São apresentados sítios coloniais e pós-coloniais representados pela vida cotidiana nas Fortificações e seus arredores, de populações Guarani e Jê, assim como dos grupos responsáveis pelos sambaquis, assim como as representações rupestres e as oficinas líticas.

 Exposição Tecendo Saberes pelos Caminhos Guarani, Kaingang e Laklãnõ-Xokleng

Está aberta, até dia 20 de julho de 2018, a exposição “Tecendo Saberes pelos Caminhos Guarani, Kaingang e Laklãnõ-Xokleng”, nas sala de exposições de curta duração do Pavilhão de Exposições Antropólogo Sílvio Coelho dos Santos”.

Concebida por meio de curadoria compartilhada com representantes Guarani, Kaingang e Laklãnõ-Xokleng e a equipe do projeto “Saberes Indígenas na Escola”, a exposição desvela contribuições do projeto para o diálogo entre a educação formal nas escolas indígenas e o saber tradicional.

 

Horário de visitação: As exposições “Arqueologia em Questão” e “Tecendo saberes pelos caminhos Guarani, Kaingang e Laklãnõ-Xokleng”.

Quando: de terça a sexta das 7:30 às 19:00 (com entrada até às 18:30) e primeiro sábado do mês das 13:00 às 17:00

Para quem vem de carro aos sábados, a entrada deve ser feita pela Trindade, portão da rótula próxima à Praça Santos Dumont, no final da rua Lauro Linhares.

Quanto: Entrada franca
Informações: 48 – 3721-9325
e-mail: ufsc.mu.secretaria@gmail.com

Exposição Mamilo Manifesto (parceria com o curso de Museologia/CFH)

o MArquE recebe até dia 30 de maio de 2018 a exposição “Mamilo Manifesto”, produzida pelos estudantes da disciplina “Prática de Exposição” do curso de Museologia da UFSC, sob orientação da profª dra. Thainá Castro.

A exposição busca discutir significados e representações referentes aos mamilos, pequena e polêmica parte do corpo humano, discutindo questões como a amamentação, a saúde e a estética, nos diferentes ciclos da vida.

Você pode saber mais sobre ela acessando a página https://www.facebook.com/mamilomanifesto/

Quando: de terça a sexta das 9:00 às 17:30  e primeiro sábado do mês das 13:00 às 17:00

Para quem vem de carro aos sábados, a entrada deve ser feita pela Trindade, portão da rótula próxima à Praça Santos Dumont, no final da rua Lauro Linhares.

Quanto: Entrada franca
Informações e agendamentos de ações educativas: mamilomanifestoedu@gmail.com